Crise Hídrica no ES: racionamento de água na Grande Vitória começa nesta semana


 

A região da Grande Vitória deverá passar por um racionamento de água a partir desta semana. A informação foi divulgada pela Cesan na tarde desta segunda-feira (19). Com isso, bairros de seis municípios da região metropolitana poderão ser afetados com a falta d'água.

 

No plano de contingenciamento, os municípios de Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica, Viana e o bairro Praia Grande, em Fundão, passarão por racionamento por meio de rodízio de distribuição de água. Os demais bairros de Fundão e Guarapari ficam de fora do racionamento.

 

Os municípios serão divididos em sete áreas, cada uma delas com 30 bairros. No sistema de rodízio, cada uma destas áreas vai ficar pelo menos um dia da semana sem receber água por 24 horas, iniciando sempre ao meio-dia até às 12 horas do dia seguinte.

 

A medida ainda depende de aprovação da Agência de Regulação de Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP), mas pode começar já na quinta-feira (22). A partir de então, o racionamento teria início após 48 horas da homologação da decisão.

 

De acordo com a Cesan, a data de início e a lista de bairros que passarão pelo racionamento será amplamente divulgada para a população com até 24 horas de antecedência. Ainda segundo a companhia, o plano poderá sofrer ajustes em função do consumo e da ocorrência de chuvas, sendo previamente comunicados.

 

Rios com vazão baixa

 

A decisão da Cesan em adotar o racionamento foi motivada pela baixa vazão dos rios Jucu e Santa Maria da Vitória, de onde é retirada a água que abastece a Grande Vitória. É a maior crise hídrica dos últimos 80 anos. Segundo a companhia, a demanda na região está maior que a oferta de água disponível nos dois mananciais, onde a vazão continua caindo de forma muito rápida. Diante desse cenário, a Cesan comunicou à ARSP a necessidade de implantar racionamento no abastecimento de água por meio de rodízio isonômico de distribuição de água.

 

 

O ideal é que cada um faça sua parte para reduzir o consumo. Confira aqui 10 maneiras simples de economizar água:

 

 

1- Tome banhos mais rápidos. Cada minuto a menos no chuveiro pode evitar o desperdício de 23 litros de água, dependendo do chuveiro.

 

2- Se você tem uma torneira pingando, conserte‑a logo – o desperdício de água pode chegar a 2.000 litros por mês. Não tente apertar mais a torneira, pois isto desgastará a arruela e agravará o vazamento.

 

3- Sempre que abrir uma torneira e esperar a água ficar quente, guarde a água fria numa jarra ou balde e use‑a para regar as plantas, encher o bule ou qualquer outra finalidade. Você pode economizar água (cerca de 4 litros!) a cada vez que fizer isso.

 

4- Feche a torneira quando estiver escovando os dentes ou se barbeando. Uma torne aberta pode desperdiçar até 15 litros por minuto.

 

5- Se tiver a opção, use a meia-descarga no banheiro, sempre que for apropriado. Você pode economizar água (cerca de 8 litros!) por descarga.

 

6- Só use a máquina de lavar na capacidade total. A redução do número de lavagens pode economizar grande quantidade de água – modelos com abertura superior chegam a usar 240 litros por lavagem.

 

7- Não use a lava-louças com poucas peças. Cada ciclo de lavagem evitado representa uma economia de até 50 litros.

 

8- Ao lavar a louça manualmente, enxágue os pratos na pia cheia de água em vez de sob a torneira. Você pode economizar até 15 litros por minuto.

 

9- Lave frutas e verduras em uma bacia com água ou na pia cheia até a metade em vez de sob a torneira. Isso pode reduzir o consumo de água em mais de 30 litros a cada vez.

 

10- Ao lavar o carro, use balde e esponja no lugar da mangueira. Se utilizar apenas seis baldes, a economia chegará a 150 litros por lavagem.

Convênios

  • Oral Brasil
  • CSS 3 logo
  • SESC
  • Clube de Férias
  • Idecon