COBRAPOL denuncia traição do governo e reforça a convocação de atos

Por AEPES 26/06/2019

O presidente da COBRAPOL, André Luiz Gutierrez, denuncia a traição do governo e do presidente Jair Bolsonaro no tocante à aposentadoria dos policiais civis e demais profissionais da segurança pública na discussão da reforma previdenciária no Congresso Nacional. Gutierrez reforça a convocação para ato em Brasília no dia 2 de julho.

"O governo vem tentando enganar todo mundo com essa reforma da previdência, já que vários institutos já mostraram que não existe déficit na previdência. Pior ainda, os regimes dos policiais são iguais hoje aos dos militares. Eles irão diferenciar em um país que tem mais de 63 mil mortes por ano, uma polícia envelhecida, só causará mais mortes. Mortes dos policiais", afirma Gutierrez.

Ainda de acordo com o presidente da COBRAPOL, morreram mais de 540 policiais em 2017, o que para ele é um absurdo. Enquanto isso, ainda segundo Gutierrez, o presidente afirma que, quem apenas corre o risco são as Forças Armadas. 

"Na realidade o bandido não escolhe o distintivo ou a cor da farda, mas parece que o presidente Bolsonaro, sim. Merecemos dignidade, respeito e iremos lutar por isso junto com todos os irmãos que estão unidos à UPB. Sofremos um estelionato eleitoral e o Bolsonaro se tornou o grande traidor dos policiais. O nosso único privilégio é morrer pelo cidadão de bem do Brasil, defendendo a sua liberdade e o seu patrimônio", diz Gutierrez.

O presidente da COBRAPOL, André  Luiz Gutierrez faz um alerta e uma convocação: "Policial Civil atenda o chamado do seu sindicato, associação, federação ou confederação e participe no dia dois de julho da grande manifestação que acontecerá em Brasília. Precisamos mostrar que estamos unidos e combateremos essa imoralidade da PEC 06/2019 assinada pelo presidente Jair Messias Bolsonaro", finaliza. 

Fortaleça a sua classe. Associe-se!

Siga-nos no Facebook (facebook.com/aepes.pces) Siga-nos no Instagram (aepes1)

Produção: Assessoria de Imprensa Aepes.

 

Por: AEPES 26/06/2019